Escola

ilustra_homeFico aqui me perguntando se realmente estamos no caminho certo. O mundo evolui e a humanidade tem que acompanha-lo, mas me parece que estamos forçando demais a barra e a dúvida que tenho é se precisamos necessariamente fazer isto com nossas crianças.

No meu tempo de criança (não sei por que sempre fico puto da cara com a velocidade do tempo) a grade escolar era: matemática, português, história, ciências, geografia, religião, educação física, artes e mais alguma coisa que devo ter esquecido. Mas era por aí.

Agora ampliaram muito e vejo várias propostas tramitando para ampliar ainda mais a grade escolar. Evidente que são temas importantes, mas será que devemos colocar toda esta carga de informações na cabeça de nossas crianças. Será que não temos que dar tempo ao tempo?

Em uma rápida passagem verifico que: o mundo se globalizou e nós introduzimos o Inglês como língua universal; o mundo se informatizou e nós colocamos Informática no aprendizado. Lendo vários artigos e postagens aqui na internet e já nem sei se já estão valendo, tem sugestão para tudo. Aí vão algumas: Educação Sexual, Educação no Trânsito, Estudo da Constituição e mais algumas bobagens de interesse específico.

Como só introduzem matérias sem retirar nenhuma, chego à conclusão que rapidamente nossas crianças estarão estudando em três turnos ou a abordagem será tão superficial que não aprenderão nada.

Crianças são crianças e devem ter tempo suficiente para brincar, aproveitar a melhor fase da vida, onde só existe ingenuidade e até dar gargalhadas do nada.

Robôs são construídos em fábricas e crianças nascem do amor de duas pessoas.

Então, deixem as crianças serem crianças.

Você vai gostar de ler também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *